Por que “Panis et circenses”?

política do Pão e Circo (panis et circenses) era o modo com o qual os líderes romanos lidavam com a população para mantê-la fiel à ordem estabelecida e conquistar o seu apoio. Como acontece até hoje em qualquer parte do mundo, pessoas humildes e de poucas condições financeiras iam se acotovelando nas periferias de Roma, em habitações com conforto mínimo, espaço reduzido, de pouco ou nenhum saneamento básico, e que eram exploradas em empregos de muito trabalho braçal e pouco retorno financeiro. Esses ingredientes, em qualquer sociedade são perfeitos para detonarem revoltas sociais de grandes dimensões. Para evitar isso, os imperadores optaram por uma solução que envolvia a distribuição de cereais, e a promoção de vários eventos para entreter e distrair o povo dos problemas mais sérios na fundação da sociedade romana.

pao-e-circo-em-roma
http://www.estudokids.com.br/wp-content/uploads/2014/08/pao-e-circo-em-roma.jpg

Basicamente, estes “presentes” ao povo romano garantia que a plebe não morresse de fome e tampouco de aborrecimento. A vantagem de tal prática era que, ao mesmo tempo em que a população ficava contente e apaziguada, a popularidade do imperador entre os mais humildes ficava consolidada.

Relação com o nosso projeto:

Assim como essa política que visava criar uma ilusão na população para esquecerem de seus reais problemas, as artes de rua também têm a função de atingirem o público de forma a desconectá-los de seus compromissos naquele instante. A arte tem a capacidade de transportar o espectador para um “outro mundo” onde tudo é maravilhoso e não há problemas. Ainda, por serem públicas, esse tipo de arte atinge todo e qualquer público da sociedade paulistana.

malabares1
http://asboasnovas.com/arquivos/noticias/detalhe/malabares1.jpg

 Observação: A imagem de capa do blog foi retirada do Instagram dos grafiteiros Os Gêmeos, @osgemeos. Confira e se encante!